Categorias
História da Música Brasileira

História da Música Brasileira – aula 01

Hoje começo uma série de posts com o objetivo de organizar um pouco as informações disponíveis para meus alunos da disciplina de História da Música Brasileira. A aula 01 tem o seguinte tema: Apresentação da disciplina, do Plano de Ensino e da metodologia de trabalho

Inclui também, claro, um pouco de uma apresentação do professor.

Resumindo um pouco do que devemos conversar em sala de aula:

Professor

Para quem saber todas as fofocas acadêmicas sobre um professor, é sempre útil verificar seu Currículo Lattes. O meu está aqui. A principal informação é que minha formação foi em duas áreas – Música (graduação em Licenciatura em Música na antiga EMBAP, hoje Campus de Curitiba I da UNESPAR) e História (Mestrado em História na UFPR e Doutorado em História Social na FFLCH-USP). Também é útil ver a página das minhas publicações neste blog, onde estão as referências bibliográficas e os links para os textos acadêmicos.

Abordagem metodológica

A principal característica da maneira como conduzo esta disciplina é a abordagem transdisciplinar a partir das duas áreas distintas. A área de música costuma tratar os assuntos de História da Música como campos da crítica musical e da musicologia. Ou seja, a disciplina costuma ser um estudo dos principais compositores e as principais obras.

Embora eu não despreze esta abordagem, incluindo observações musicológicas sobre várias obras e respeitando de certa maneira o cânon de compositores considerados mais importantes pela crítica, quem observar o Plano de Ensino da disciplina verá que os objetivos apontam muito mais para uma abordagem vinda da História.

Neste sentido, é preciso reforçar que a maior parte da bibliografia disponível (em alto nível acadêmico e reflexivo) vem de trabalhos desenvolvidos nas áreas de Ciências Humanas, por pesquisadores que às vezes tem formação em música e às vezes não. Assim, a proposta da disciplina é de enfocar questões mais abrangentes como a relação entre música e política, discursos estéticos, instituições, formação e consagração dos compositores, usos do conceito de Música Brasileira, projetos como o Modernismo ou a MPB (os dois principais que abordamos no curso), entre outras questões.

Uso desta página

Faz tempo que tenho esta página com endereço pessoal e servidor bancado por minha conta. Entre outras coisas, a pretensão sempre foi organizar o material das aulas e deixá-lo disponível para os alunos.

No caso da disciplina de História da Música Brasileira, nunca cheguei a fazer isso neste endereço. Este objetivo entrou nas minhas “resoluções de ano novo” e este post de hoje, com este título, me empurrou para a necessidade de respeitar este compromisso.

Assim, deve existir aqui uma série de posts História da Música Brasileira – aula tal que pretendem ser um post para cada aula, sintetizando as questões discutidas e apontando a existência de material na internet (textos, vídeos, áudios, slides, etc).

Além disso, essa página tem a aba Material de Aula, onde o conteúdo e os materiais aparecem de forma mais organizada. Todos os posts referentes ao assunto dessa matéria publicados neste blog ficarão sob a categoria (que eu chamo de “gaveta”) História da Música Brasileira.

“Professor tem um livro para indicar”?

De vez em quando algum bom aluno interessado vem com essa pergunta. Algumas disciplinas podem ter bons manuais para serem adquiridos como bibliografia básica – um pequeno punhado de livros que dê uma boa visão do assunto de forma condensada mas respeitando a complexidade do conhecimento sobre o tema.

Acontece que não existe nada parecido com isso para História da Música Brasileira. Os manuais que já foram editados padecem de alguns problemas básicos: são antigos, superados e/ou muito incompletos. Por exemplo, não existe nenhuma História da Música Brasileira que não separe “música clássica”, e “música popular”. Quero dizer, temos livros de História da Música Brasileira (focando só na música de concerto) ou livros de História da Música Popular Brasileira (focando só na música popular derivada da tradição do samba). Na verdade, os livros existentes acabarão sendo comentados no assunto “projetos ideológicos”.

Os bons trabalhos acadêmicos que aprofundam o tema ainda estão na fase dos estudos temáticos, e espero que logo tenhamos autores e projetos editoriais capazes das necessárias grandes sínteses. Ou seja, para cada aula e cada assunto, teremos um bom conjunto de artigos, teses ou livros temáticos. Mas não teremos bons livros gerais sobre a disciplina. Para um aprofundamento deste ponto, confiram a bibliografia que está no Plano de Ensino. Ela não é nem muito atualizada nem exaustiva, apenas indica os textos que considero mais importantes. Para cada aula serão feitas mais indicações.

Neste blog existe uma bibliografia um pouco mais completa, feita em 2012 para o que seria uma disciplina de mestrado. O mestrado ainda não saiu, a disciplina foi reformulada para novos projetos e a bibliografia é mais completa. Isso apareceu num post aqui – o link para o pdf está com problema, mas devo consertar em breve.

Concluindo

Tem muito mais coisa pra falar, obviamente, mas fica para quem estiver na aula. Aqui serve apenas como um registro para facilitar quem quiser rever questões e ter acesso facilitado ao material de estudo.