Estaduais na reta final

Os estaduais costumam ser uma mesmice óbvia e chata, longos demais e cheios de jogos que não servem pra nada. Mas às vezes acontecem umas surpresas legais.

Tipo o América, depois de rebaixado na sua primeira participação em anos na Série A do Brasileirão, achar forças para brilhar no Campeonato Mineiro. O Coelho acabou de eliminar o Cruzeiro (que também mereceu ser rebaixado, e só não foi por causa da pastelada armada pelo Banco BMG para manter seus dois clubes mineiros na série A – estou falando daquele 6×1 comprado na última rodada).

É a primeira vez que o América chega à final desde 2001, quando foi campeão sobre o Atlético – seu rival na final deste ano. Veja os gols da vitória de hoje neste vídeo.

O Botafogo superou um rival superior, derrotou o Vasco e foi à uma final que não acontece desde 1971 contra o Fluminense. O Fluminense hoje é mais time, mas a graça das finais é justamente que a superação pode levar o Botafogo ao título. Já o Vasco continua amargando na fila desde 2003. Veja os gols da vitória do Botafogo.

Já em São Paulo, o Guarani conquistou vaga na segunda final de sua história. A vez anterior foi contra o Corinthians em 1988. Desta vez será contra o Santos, que despachou o São Paulo (veja os gols).

No Gauchão, o Internacional venceu o segundo turno em final contra o Grêmio (veja os gols). Agora, fará final inédita do estadual contra o Caxias (que já enfrentou duas vezes o Grêmio, para ser vice em 1990 e campeão em 2000).

O Campeonato Paranaense vai ter final pela primeira vez desde 2008. E vai ser o tradicional Atletiba. (Veja tudo sobre o campeonato aqui, no blog Do dlto de tantas glórias).

 

Este texto foi arquivado em Futebol e etiquetado como . Pegue o permalink.

Comentários bloqueados.